Nosso site está em manutenção. Estamos trabalhando em melhorias para nosso site trazer cada vez mais e melhores conteúdos para você!

Mantendo seu corpo e sua mente saudáveis

  17/11/2021

“A saúde depende mais das preocupações que dos médicos”. (Bossuet)

 

A ansiedade, a depressão, a síndrome do pânico e a obesidade são as doenças da atualidade que vêm afetando cada vez mais pessoas no mundo todo. Elas não são transmissíveis, pois são psicossomáticas, mas mesmo assim se espalharam pelo mundo e levam um enorme contingente de pessoas a gastar muito tempo e dinheiro na busca de tratamentos que, na maioria das vezes, apenas atingem os sintomas e não as causas desses males. Simplesmente porque a grande maioria das pessoas desconhece que a solução do problema reside em trabalhar em suas causas, nas raízes que os criam e sustentam e que são, geralmente, de origem emocional.

Durante um período de quase dez anos, Chico e seu amigo Padre Lourival dos Santos Gratão conviveram e participaram do trabalho do mestre coreano Dr. Jong Suk Yum, criador da Unibiótica[1] e autor de vários livros, entre eles o Diagnóstico Visual do Homem[2]. Os treinamentos, em geral, aconteciam em regime de semi-internato que eram realizados no interior paulista. 

Nesses treinamentos, Chico conheceu pessoas vindas de várias regiões do Brasil e de profissões e condições sociais bastante diferentes. Presenciou, em muitos casos, o sofrimento de pessoas com enfermidades que ele nem mesmo sabia que existiam, que vinham até o Dr. Yum na esperança de encontrar a cura ou, pelo menos, algum alívio ao sofrimento.

Certa vez, uma senhora bem apresentada e que se expressava muito bem chegou de cadeira de rodas, num carro de luxo, demonstrando ter uma boa condição social. Em conversa com o mestre, afirmou ser vegetariana havia vários anos, porém não havia encontrado a cura para a doença grave que tinha. Dessa maneira, decidiu fazer o treinamento com o mestre coreano, como mais uma tentativa de encontrar solução para seu problema de saúde, ou pelo menos tentar amenizar seus efeitos.

Chico, intrigado com esse caso, aproximou-se do mestre e resolveu perguntar: – Como pode uma pessoa assim tão esclarecida e tão cuidadosa com a alimentação contrair uma doença tão grave?

– A área física não é tudo! – Respondeu o mestre, ao mesmo tempo em que se virava e saía.

Chico continuou intrigado e pensativo. Quais seriam então as outras áreas, além da física? Precisaria conversar melhor com o mestre sobre isso.

Porém, na noite de início do treinamento o mestre se dedicou a explicar:

– As enfermidades surgem a partir do conflito entre a personalidade e a própria alma. Tudo que afeta a mente afeta o corpo, e vice-versa, por estarem interligados.

Milhares de pessoas criam suas próprias enfermidades e vivem sem nunca terem aprendido o milagre da boa saúde através dos cuidados com o corpo, mente e espirito de forma integral. 

Os problemas surgem pela falta de conhecimento sobre como equilibrar corpo, mente e alma, estabelecendo a harmonia das quatro inteligências naturais: física, mental, emocional e espiritual. Acompanhe estes exemplos:

  • Um simples resfriado ocorre quando o corpo não chora, não expõe suas mágoas e a imunidade é reduzida;
  • A dor de cabeça deprime quando as dúvidas aumentam;
  • A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável;
  • A dor de garganta sufoca quando não é possível comunicar as aflições;
  • O estômago queima quando a raiva não consegue sair;
  • O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.

A obesidade é outro exemplo, pois de nada adianta seguir qualquer tipo de dieta, sendo que o corpo engorda quando a insatisfação aperta e nos sentimos num beco sem saída. – Concluiu o Dr. Yum. 

Chico passou a observar suas próprias condutas e o modo de ser das pessoas: a maneira como elas vivem, o propósito de vida, o ritmo de trabalho, o relacionamento familiar e até a própria religiosidade. A partir da aprendizagem sobre o ser humano integral ele pode ampliar sua visão sobre questões importantes para uma vida melhor.

Depois de quase dez anos de convívio, Chico não pode mais acompanhar o mestre coreano, pois teve que seguir seu caminho, por força do trabalho com gestão de pessoas. Precisando residir em outros estados e depois em outros países, precisou se afastar. Porém, sempre levou com ele os ensinamentos aprendidos e os praticava religiosamente, para encontrar o equilíbrio entre sua carreira e sua vida pessoal.

Ele havia aprendido que nosso corpo é uma dádiva da Criação. Que é algo tão perfeito que não existe outro igual no universo – cada pessoa é única. Basta observar que sua impressão digital é única, sua íris é única e a sua potencialidade é exclusivamente sua. É de sua responsabilidade cuidar desse bem que lhe foi dado. Sem saúde, nenhuma outra área de sua vida estará bem.

Afinar o seu instrumento significa manter o seu corpo saudável para conseguir a energia necessária para realizar o que você tem como missão na sua vida. E essa afinação envolve não só cuidar diretamente da sua saúde e bem-estar individual, mas também olhar para a sua vida como um todo, cuidando do seu ambiente de vida e de trabalho e de suas relações com as pessoas que fazem parte do seu dia a dia.

Continuando em sua busca por conhecimento e desenvolvimento, Chico veio também a conhecer, estudar e aplicar os princípios do trabalho de outro mestre, o filipino Choa Kok Sui[3] e, a partir de seus ensinamentos, introduziu em sua vida o cultivo e a prática de mais uma inteligência natural: a inteligência financeira. Dessa maneira, sua visão de equilíbrio e harmonia do ser se tornou ainda mais ampla, multiplicando suas possibilidades para cultivar uma saúde mais completa e duradoura e uma vida mais feliz e plena.

A importância do equilíbrio da mente, corpo e alma – incluindo-se aí a influência dos aspectos materiais da vida que, sem dúvida alguma, interferem diretamente nestes três elementos – vem diretamente do fato de que todos esses fatores estão intrinsecamente interligados e afetam diretamente uns aos outros. O ser humano integral se molda conforme cada um desses elementos atua no seu dia a dia, independentemente ou em conjunto.

A combinação de bem-estar mental, físico e espiritual é inegavelmente importante para o indivíduo. No entanto, vivemos em um mundo que concentra grande atenção no fator financeiro, na conquista do sucesso, na busca por ser alguém que se destaque da multidão. O que nos leva muitas vezes a um impasse: nosso equilíbrio depende em grande parte dos resultados do nosso dia a dia no mundo material, porém quanto mais ocupados nos mantemos nessa busca, mais difícil fica alcançar o equilíbrio mental e espiritual e, muitas vezes, até mesmo o bem-estar físico.

O que realmente tinha ficado claro para Chico é que em nenhum momento é possível isolar uma causa ou efeito particular de determinada doença, seja ela qual for ou como se manifeste, pois, cada elemento deve ser considerado e medido em termos do conjunto de partes que compõem a nossa vida como um todo.

Por essa razão, Chico jamais esqueceu que o fundamental é manter um equilíbrio entre as cinco principais áreas da nossa vida, ou ainda, nossas cinco inteligências naturais: física, mental, emocional, espiritual e financeira.

“Texto extraído do livro O domador de tempestades”

 


 

[1] https://alimentacaonatural.com.br/o-que-e-unibiotica-dr-jong-suk-yum/

[2] Diagnóstico Visual do Homem, Editora Vários Escritos, Rio de Janeiro, 1983 e coleção ABC DA SAÚDE, Editora Convite, 1987.

[3] Mestre Choa Kok Sui foi considerado o cientista da alma. Através das suas pesquisas conseguiu transmitir de uma forma simples e profunda conhecimentos milenares, em uma linguagem ao alcance de todas as pessoas. https://institutogoldenprana.com.br/terapia-pranica-cura-pranica/master-choa-kok-sui/


Voltar
Itupeva/SP - Brasil
contato@nucleozoi.com
(11) 9 8042 - 1204
(11) 9 6083 - 0003 Logo whatsapp
Copyright © Núcleo Zoí. Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por   Política de Privacidade e Termos de Uso